Indústria automotiva do México busca aumentar exportações e diversificar mercados na América do Sul

19 Fevereiro 2018

Em meio às incertezas quanto ao desfecho da renegociação do Tratado de Livre Comércio da América do Norte (NAFTA, sigla em inglês), a indústria automotiva do México tem pressionado o governo deste país a buscar o aprofundamento de suas relações comerciais por meio de acordos com países da América do Sul (ver Boletim de Notícias Pontes). O objetivo é aumentar as exportações do setor automotivo por meio da diversificação de mercados.

 

Segundo o presidente da Associação Mexicana da Indústria Automotriz (AMIA), Eduardo Solís, a incorporação dos temas relativos ao setor no âmbito dos Acordos de Complementação Econômica (ACE) entre Mercado Comum do Sul (Mercosul) e México (ACE-55), Brasil e México (ACE-53) e Argentina e México (ACE-6) permitirá aumentar as exportações de veículos nacionais para esses países. Para ele, a integração desses acordos cria as condições para um importante avanço do comércio livre de tarifas alfandegárias entre Argentina, Brasil e México.

 

Segundo Solís, a negociação deve ser tratada em duas etapas. Primeiro, deve-se assegurar que o ACE-55 seja incorporado ao ACE-6 e ao ACE-53, para que somente então possa existir uma abertura comercial mais ágil. A reestruturação dessas relações comerciais será a base de novos acordos para o intercâmbio de outros produtos argentinos (por exemplo, aqueles do setor agroindustrial): há interesse do México em importar milho, soja e trigo da Argentina.

 

Os ACE são importantes para a diversificação dos mercados pretendida pela indústria automotiva mexicana, uma vez que atualmente o destino principal dos automóveis fabricados no México continua sendo os Estados Unidos – que, em 2017, recebeu 178.667 veículos do vizinho da América do Norte. A América do Sul apresentou aumento das importações nesse setor por parte do México, com 16.096 veículos comercializados, sendo os principais compradores Brasil, Chile e Equador.

 

Reportagem ICTSD

 

Fontes consultadas:

 

El Semanario. Industria automotriz mira hacia Sudamérica para aumentar exportaciones. (15/02/2018). Acesso em: 15/02/2018.

 

El Universal. AMIA busca incorporar el ACE 55 en acuerdos bilaterales con Brasil y Argentina. (07/02/2018). Acesso em: 15/02/2018.

14 Fevereiro 2018
Em 8 e 9 de fevereiro, ocorreu em Buenos Aires (Argentina) o primeiro encontro da Força-Tarefa para a Iniciativa de Cooperação e Desenvolvimento em Economia Digital do G20. Criada durante a...
Share: 
21 Fevereiro 2018
Em março deste ano, o governo do Canadá dará início a negociações comerciais com vistas a um tratado de livre comércio com os membros do Mercado Comum do Sul (Mercosul). As tratativas com o bloco sul...
Share: